DEUS IMPLICA COM DETALHES

Ultimamente a igreja vem sendo secularizada, ou seja, os preceitos do mundo estão se misturando com os preceitos doltrinários bíblicos. Hoje, muitos cristãos não sabem distinguir o que é doltrina bíblica e o que é preceitos seculares; outros nem mesmo sequer se importa com as doltrinas bíblicas. "Deus só quer o nosso coração", os que dizem isso, são os desviados dos preceitos bíblicos e adéptos ao secularismo.

Muitos se deixam levar por ações que muitos cantores-ídolos, super-pregadores, assim como diz o Pr. Ciro Sanches, que acabam banalizando o real e brutal preceito bíblico. Muitos não lêem a bíblia, mas são crentes por ver as ações de supostos pregadores e cantores. Imitam suas vestimentas, e modo de agir, por que dizem que Deus não se importa com isso e que Deus só quer o nosso coração.

Caros leitores, mais uma vez falarei que o que escrevo aqui é para alertá-los a analisar os contextos bíblicos e seguir o que a bíblia determina no seu real conhecimento. Certo que temos pastores, adoradores, isso é muito bom, mas não é por eles que devemos nos espelhar, ou imitar e sim a Deus ( Ef 5.1 ), mas não vemos a Deus para imitá-lo, certo que não o vemos com a plenitude, mas ele nos deu a revelação de suas vontades, e o mais importante, foi que, Jesus desceu para nos dar exemplos de como ser santo como santo ele é.

Duas histórias na bíblia de dois homens de Deus, interessante, sobre detalhes que influenciaram muito na vida deles. Começando por Moisés. Moisés era um homem limpo, santo, fazia tudo que Deus determinava, seguia corretamente os preceitos das leis, falava face a face com Deus, homem fiel ao Senhor, seiirava as vezes, mas não pecava contra ao Senhor. Era o mediador entre Deus e o povo de Israel, tud que Deus ordenava ele fazia pela voz do próprio Deus e dos mandamentos das severas leis. Estava destinado que Moisés ancaminhasse o povo de Israel a adentrar na terra santa, porém, o povo de Isral pecavam muito, e aquela geração de Moisés não viram a santa terra. O povo era pecador, murmurador, com os sentimentos, as vontades voltadas para a terra do Egito, de onde foram tirados, sempre olhando para trás. Moisés que não tinha aborrecido a Deus ainda, andando pelo meio daquele povo, se contaminou com as palavras do povo. O povo sempre murmurando, querendo água, e blasfemando, e o olhando para trás e murmurando; Moisés rogou ao Senhor, e ele ordenou que Moisés somente falasse á rocha; mas ouvindo Moisés as murmuraçõs do povo, se contaminou com a descrença no Senhor e SIMPLESMENTE feria a rocha. Sabe qual foi a consequencia disso? Nem aquela geração e nem o Moisés, que era o home segundo os preceitos de Deus, entrou na terra prometida. Só por causa disso? Uma coisa que NÃO TEM NADA HAVER. Não entrou na terra prometida por bobagem? ÉÉÉÉ..... Então, trazendo ara os dias de hoje, tem certas coisas que fazemos, pequenas coisas, que podem nos impedir de ir para o céu e viver eternamente com Jesus. Temos que ser santos, na qual sem santidade ninguém ver a Deus (Hb12,14). Deus é o mesmo de antes e sempre será. O que mudou foi a forma compassiva que Deus teve de salvar a todos, mas Deus é o mesmo implicante de sempre, só que, graças aoPróprio Deus, temos Jesus que é o nosso advogado que fica rogando por nós lá no céu. Se não fosse por Jesus, nós estaríamos fritos, como os pecadores da era de Moisés que, mal pecavam já eram consumidos pelo fogo vinda da parte do próprio Deus (Nm 16,20-21).

Tem coisas que parecem que não tem nada haver, que Deus nem se importa, mas pense num Deus que IMPLICA COM DETALHES!

Outro fato surpreendente, que eu adimiro muito na bíblia, é a vida santa e pura de Daniel. Daniel, jovem, formoso, inteligente e temente a Deus. Quando foi apanhado para assistir no palácio da babilônia, para morar e fazer parte de uma coligação de um reino que implicava com idolatrias e preceitos antibíblicos, ele fez diferença, e dava testemunho de que era diferente e que servia a um Deus vivo, fiel e verdadeiro.

Logo quando chegou a Babilônia foi recepcionado com finas iguarías, um Banquete que devia haver de tudo ( Dn 1,4 ). É neste trecho da história que me espelho, para uma vida santa nos dias de hoje. Muitos Jovens hoje que aderem, como já falei aqui no blog, o termo emo nas igrejas, os rítimos mundanos com letras "gospel", as maneiras de vestir, maquiagens na igreja, falta de decencia, tatuagens de crente, e muitas outras secularidades que vem adentrando dentro da igreja de fininho. Muitos defendem até a morte que esses detalhes não implicam na nossa vida espiritual, que não tem nada haver, e que Jesus virou um Papai Noel de shooping, aceita tudo e que vai levar uma cambada de gente assim pro céu. Sobres os ritimos das musicas que estão entrando na igreja como, funk, dance, heave metal... em fim; muitos enfatizam o termo de que DEUS foi quem fez a musica, e temos que RECUPERAR o que é nosso; teve até um amigo meu que defendendo esses termos seculares da igreja, enfatizou que se ele recebesse um bom-bom com macumba, e se ele orar e consagrar a Deus, ele pode comer livremente; sim concordo com isso por que Jesus disse que se até se bebermos coisa mortífera, não nos fará dano algum ( Mc 16,18), mas não devemos tentar a Deus ( Lc 4,12 ), se fosse assim Deus tería transformado as pedras em pães.

Voltando para Daniel, vemos que o banquete posto pra ele e seus amigos, deviam ter de um tudo, Vinho, frangos, frutas de toda espécie, carnes... tudo, afinal era o banquete do rei. Ora, Daniel também poderia fazer uma oração legal pra Deus purificar aquela comida, afinal, devería ter alí frutas e carnes, Deus fez as árvores, os frutos e os animais para nos alimentar, podería orar como
fazemos sempre quando vamos comer algo; podería pedir pra Deus que tirasse toda consagração de ídolos que devería haver naquele banquete. Foi isso que Daniel fez? Não. Ele nem preferiu se contaminar com as iguarías do rei (Dn 1,8), que besteira, dispensar um banquete do rei, beber o vinho especial e tudo? É, Daniel não quis tentar a Deus. Bem que ele podia comer sim aquele banquete, por que era lícito ( 1Co 6,12), mas não convinha dele ter comido da iguaría real. E olha quanos livramentos Deus deu a Daniel e seus amigos também, livrando-o da cova dos leões, e livrando os amigos dele da fornalha... em fim. Assim como aquele banquete que de coisas que Deus fez, afinal Deus tudo criou, como a música, podemos ver que tanto as musicas do mundo são do mundo e não podem adentrar em nosso meio, mas Deus fez a música, mas o mundo pegou termos e o fez para aquele fim; assim como o rei pegou os elementos do banquete, que são coisas que Deus criou também, e os consagrou do rei.

Nestes exemplos acima, podemos ver que Deus se implica com Detalhes, não são apenas estes, como outros que podeos ver na bíblia, coisas que parecem quenão tem nada haver, mas não comentei pois são muitas. Mas muitos podem dizer: Há mas você está falando de coisas do Velho Testamento! Sério? Sim verdade, mas o mesmo Deus que servimos hoje é o mesmo Deus destes homens. Dei dois exemplos de um detalhe que implicou na fé de um, impedindo de ver a terra prometida; exemplo este podemos ter como exeplo da nossa salvação. E de outro que implicou na manifestação da glória de Deus, livrando de muitos perigos que o rodeava; exeplos que podemos tomar para nós que implica em nossa santidade.

Não é atôa que Salmos 1,1 nos aconselha sair de perto dos ímpios, dos pecadores, por que não há comunhão das trevas com a luz. Não acredito que o mesmo céu em que uma pessoa que se santifica, segue os preceitos bíblico, as doltrinas, se consagra e faz de tudo, vai, do que o mesmo céu de uma pessoa em que se diz que Deus só quer o coração e não liga para os detahes bíblicos, que implicam com nossa vida espiritual e até mesmo com a nossa salvação.

_______________//______________
"Todavia o firme fundamento de Deus
permanece, tendo este selo: O Senhor
conhece os seus, e: Aparte-se da
injustiça todo aquele que profere
o nome do Senhor". ( 2 Tm 2,19)
_______________//______________


Neymarques Feitosa

Comentários

  1. nossa! sempre bati nessa tecla q senhor gosta dos detalhes, quem estuda biblia na hora percebe como o trabalhar de Deus nos detalhes bem claro como tudo q Deus faz.

    ResponderExcluir
  2. graças a Deus que tem levantado pessoas que olha com os olhos espirituais,pois hoje em dia é tao facil ser "cristao" sendo que a palavra diz que ate o filho de Deus foi despresado por que nos seriamos bem recebidos nesse mundo,tem algo errado mas ninguem abre os olhos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MASTURBAÇÃO FEMININA

POR QUE NÓS CRISTÃOS DEVEMOS SER DIFERENTES?

COMO ASSIM OS TÍMIDOS NÃO HERDARÃO O REINO DOS CÉUS?