Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

O PECADO DA OMISSÃO

Imagem
Assistindo o programa "O aprendiz" da Terça passada (29/10) percebi que a omissão é um pecado perigosíssimo, e por causa dela poderemos sofre muitas consequências, como o executivo que foi demitido do programa, Lucas Broch, justamente por RECONHECER OS ERROS dos seus companheiros, na missão a ser cumprida, e não alerta-los veementemente, com intrepidez e com preocupação a respeito das falhas obtidas.
Ele preferiu ficar calado, na dele, sem interromper o grupo e sem ser tachado de chato por apontar as falhas da Líder, e isso resultou um forte repúdio do apresentador, Roberto Justus, e de seus conselheiros que isso causou ao executivo a reprovação definitiva que lhe custou a demissão. 
Assim como na vida cotidiana isso é um erro grave que trás terríveis consequências, a Bíblia, desde antes já nos aconselhava a respeito disso, que temos que alertar nossos amigos a cerca do erro, salva-los para que não continue caminhando para o abismo, pois se nós não fizermos isto, seremos te…

É PECADO CONSULTAR HORÓSCOPO?

Imagem
Nossa, como é fascinante! Parece que adivinham nossa vida todinha, pois acerta o meu temperamento, como sou, minhas atitudes, meus gostos, minha forma de pensar e tudo mais. É incrível! Dar tudo certo com minha vida, e tudo que o que diz, realmente acontece!

É muito comum ver jovens cristãs comprando revistinhas de horóscopo, de astrólogos que falem sobre o futuro e o que cada pessoa de determinado signo deva fazer. Já peguei meninas da minha igreja com essas revistinhas na minha própria congregação, e não foi só uma vez, foram várias. 
Sabe porque é muito mais fácil você se encantar com uma revistinha de Horóscopo do que com a própria Bíblia? Simples. O Horóscopo diz muitas coisas que condiz com aquilo que você quer escutar, enquanto a Bíblia diz muitas coisas que condiz com a vontade de Deus pras nossas vidas. Nós queremos saber daquilo que nos interessa, queremos saber sobre nós, sobre o nosso "eu", aquilo que diz respeito a nós mesmo e não a Deus. 
Verdade, pode até par…