A VERDADEIRA ADORAÇÃO E A ESSÊNCIA DA ADORAÇÃO!


Deus fez o homem perfeito e inocente mas dando duas possibilidades de vida: viver eternamente na inocência ou se contaminar com algo grave, que é o pecado e ter poucos dias de vida neste mundo hostil. Mas graças a Deus que ele nos deu uma segunda chance para viver eternamente, que é obedecê-lo e seguir seus mandamentos que é Amar a Deus e ao próximo como a nós mesmo, ou melhor dizendo, amar ao próximo como ele nos ama, dando a vida pelos seus.

Mas o que mais me deixa maravilhado, é que Deus, quando fez o homem, ele colocou uma essência dentro de nós que nos faz a maior parte de nosso tempo adorando. Deus colocou dentro de todo ser humano uma tendência a adoração, e há provas de que o ser humano foi feito pra adorar.

Cientistas descobriram que em todo o ser humano há essa essência adoradora, e como a ciência se baseia em observações e estudos, foram observados todos os tipos de povos de todas as tribos e nações e concluiriam que o ser humano tem uma tendência a adoração. Até na mais desconhecida tribo indígena, de nativos intocáveis, onde nunca teve, jamais, influência de homens sociais, se exalta a adoração e isso é prova de que existe divindade e que o ser humano é ligado a coisas espirituais, ou melhor dizendo, isso é prova da existência divina de Deus. Certo que todo o ser humano adora; muitas tribos, e povos isolados e culturas desconhecidas há a base de divindades, seja ela qual for. Por falta de conhecimento esses povos de culturas diferentes, adoram, seja imagens de madeira, seja elementos do céu, seja elementos da natureza, seja deuses criados, seja lendas, seja alimentos, seja objetos, seja lá o que for mas é comprovado que o ser humano é um autêntico adorador.

Até os ateus, que querem se desprender de qualquer divindade, são adoradores por ser criatura de Deus e como qualquer criatura, se volta a algo que lhe preste a devida honra, mesmo sem saber. Os cientistas que a maioria se dizem ateus, mas são ligados intensamente pela divindade suprema, cuidando em provar se o os fatos bíblicos são verídicos ou não, e assim acabam eles mesmo provando a presença real e brutal de Deus no universo.

Não tem pra onde correr, existe um Deus, e nós somos adoradores. Por mais que muitos católicos que adoram imagens de gesso e de madeira, são firmes na adoração, Deus dar o devido conselho de como ser um verdadeiro adorador: "Deus é Espírito, e é necessário que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade" (Jo 4.24). Esse texto de João é bem claro; Deus é espírito não é material, mas nunca ninguém jamais viu a Deus. Ele adverte em Deuteronômio 4 e verso 15 que nunca mostrou a ninguém forma alguma de seu ser, até mesmo quando falou por meio de fogo no monte Horebe, e então ele adverte: "não vos corrompais, fazendo para vós alguma imagem esculpida, na forma de qualquer figura, semelhança de HOMEM ou de MULHER" (VV16) e é só que se vê em certas igrejas que se dizem cristãs.

Por isso que Jesus disse que os verdadeiros adoradores são os que o adoram em espírito e em verdade, não em matéria (imagens de madeira, gesso, metal e etc) e em mentira (pois uma imagem nada pode fazer conf. Salmos 115). E muitos em nossas igrejas, quando vão ministrar o louvor, dizem que devemos adora ao Senhor em espírito e em verdade, mas não entendo o sentido da tal adoração! Que venhamos a adorar ao Senhor genuinamente em toda a maneira de ser.

O apóstolo Paulo Nos assevera: "Portanto, quer comais quer bebais, ou façais, qualquer outra coisa, fazei tudo para glória de Deus". (1Co 10.31) e como já falei dezenas de vezes, o TUDO nesse verso é literal, devemos estar adorando a Deus a todo momento, louvando (Cl 3.16) e dando testemunho, pois tanto o nosso interior, como o nosso exterior (o TUDO literal em que Paulo ressalta) é um testemunho de vida para as pessoas que nos contempla, que nos observa, e o testemunho de um bom servo do Senhor é uma forma de adorar a Deus. As obras também são uma forma de adorar, pois com o complemento da fé, se transforma em um sublime, maravilhoso e verdadeiro louvor a Deus (Tg 2.20).

A verdadeira adoração deve está presente a todo momento em nosso ser, no ser de todo ser humano; cabe agente saber adorar o verdadeiro Deus, e a verdadeira forma de adorá-lo, não se apegando em coisas materiais, e nem adorando outro ser, como um ser supremo.

Deus é verdadeiro e único digno de todo louvor, de toda adoração, toda a exaltação porque ele é Santo, Santo, Santo para todo sempre. Amém!

Na adoração e exaltação de Deus

Neymarques Feitosa.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MASTURBAÇÃO FEMININA

POR QUE NÓS CRISTÃOS DEVEMOS SER DIFERENTES?

COMO ASSIM OS TÍMIDOS NÃO HERDARÃO O REINO DOS CÉUS?