JOVENS CRISTÃOS PODEM JOGAR VERDADE OU CONSEQUÊNCIA?


"Verdade ou Consequências", ou "Verdade ou desafio" como é chamado o jogo de rodar o litro e fazer perguntas interessantes. Eu costumava brincar dessa brincadeira junto com os meus amigos da igreja, e sempre começávamos com perguntas leves, por sermos crentes, mas não tinha como fugir de fazer e/ou responder as perguntas que apimentavam a brincadeira. O jogo se tornava mais especial porque além de termos a segurança da regra do jogo, que os participantes não devem de forma alguma mentir, também temos um princípio moral de não podermos mentir, pois vivemos em conformidade com a Palavra de Deus.

Essa brincadeira é saudável? Primeiro de tudo, pra responder a essa pergunta vamos ao fator primordial de que Existem verdade duras demais, e devemos ter cuidado com as palavras. Com isso as fofocas vão gerando e as pessoas por expôr certas verdades que jamais devem ser jogadas pra fora, ao invés de se livrar das consequências da brincadeira por não dizer a verdade, vão sofrer duras consequências reais, fora do jogo e durante o período de convivência com o grupo.

Ao jogarmos isso, devemos estar cientes de uma coisa, a palavra lançada jamais vai voltar atrás, pois você pode se arrepender de falar certas coisas, pois falou pressionadamente por causa do jogo e dos participantes que começa a fazer ameças e a praticamente a forçar você dizer; mas você não é obrigado a dizer, ou melhor, você não é obrigado a jogar. Existem verdades que não podem ser faladas e sim guardadas. Depois que você jogar pra fora certas verdades, você nunca mais poderá domar o que foi dito, mas enquanto você guardar certas coisas dentro de si mesmo, você poderá domar dentro de você e não fora (Tiago 3.6-8).

Mas qual o perigo da brincadeira? É o seguinte: Uma irmã tem um desejo, uma fantasia, e ela vai pra uma rodinha dessas, aí alguém pergunta: "Fulana, você tem alguma fantasia?" Ela responde com muita veemência: "Sim". Automaticamente que a irmã responde "Sim", não encerra por aí, pois a curiosidade é grande para saberem mais sobre isso. Aí rodam a garrafinha e cai apontando na irmã novamente, aí fazem outra pergunta: "Qual é a sua fantasia?" Aí a irmã tem que responder a verdade e diz: "Ah minha fantasia é me relacionar com dois homens ao mesmo tempo".

Nossa irmão Ney, é esses tipos de perguntas que rolam em um jogo da verdade? Sim. É exatamente esses tipos de perguntas; porque ninguém vai jogar este jogo para fazerem fazer perguntas do tipo: "Irmão, você já leu a Bíblia quantas vezes?"; "Irmão cite o salmo 100 sem olhar na Bíblia"; "Se Jesus vier agora, você será arrebatado?". Jamais sairá perguntas sadias deste jogo, pois o objetivo central do jogo é descobrir os "podres" das pessoas e fica mais interessante ainda quando todos os participantes do jogo forem crentes. O próprio nome já diz, VERDADE OU CONSEQUÊNCIA, porque se a verdade não sair deverão pagar uma prenda, justamente para facilitar que as coisas ocultas saiam a tona.

A Bíblia fala que certas verdade podem afastar, separar os amigos (Provérbios 16.28), então o melhor é evitar esse tipo de jogo que pode ser uma grande brecha para o inimigo de nossas almas operar com contendas, fofocas e intrigas. Graças a Deus que nós paramos de jogar este jogo, que graças a Deus, enquanto jogamos, nada de mal saiu, certo que houve perguntas apimentadas, mas se continuássemos não seria legal.

Então, vamos fugir de tudo que não seja bom e agradável. Não estou dizendo que este jogo seja pecado, só sei dizer por experiência própria que, este jogo não é um jogo sadio, onde não convém para os crentes. Leiam e meditem em 1° Coríntio 6.12.

Paz em Cristo a todos

Neymarques Feitosa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MASTURBAÇÃO FEMININA

POR QUE NÓS CRISTÃOS DEVEMOS SER DIFERENTES?

COMO ASSIM OS TÍMIDOS NÃO HERDARÃO O REINO DOS CÉUS?